Os textos e fotografias produzidos pela equipe da PASCOM da Paróquia São José – C. dos Dantas podem ser livremente utilizados, mencionando-se o blog http://www.montedogalo2009.blogspot.com/ como fonte

28 de nov de 2010

ADVENTO, a feliz espera do Natal

Concluindo o Ano Litúrgico, iniciamos um novo tempo para vivenciar os mistérios divinos e a grande manifestação amorosa de Deus. Para os cristãos a Encarnação de Jesus Cristo se reveste de um sentido todo especial e fala fortemente da preocupação de Deus Pai para com toda a humanidade. O Pai se voltou para a frágil criatura e lhe ofereceu a oportunidade de salvação na pessoa do seu Filho que se fez carne e veio habitar entre nós.
O tempo correspondente às quatro semanas que antecedem o Natal serve como preparação para a grande celebração do Nascimento de Jesus. A mística do Advento é aquela da expectativa, da espera, da preparação e da conversão. Quando alguém se prepara para um evento importante da sua vida (formatura, casamento, nascimento do filho, bodas, etc.), segue um ritual de preparação que propicia chegar ao momento do evento em condições de desfrutá-lo plenamente e vivenciá-lo como um momento único da sua existência. Todos se preparam para tais momentos. Ora, a celebração do Natal, no nível cristão, é um evento da nossa fé de suma grandeza e, por isso, merece uma especial preparação. Para tal fim, a Igreja dedica este tempo de reflexão, oração e confronto com a Palavra de Deus que ajuda o cristão a se concentrar no motivo principal da celebração natalina que é o encontro com Jesus.
Há uma ansiedade natural diante da vivência de mistério tão grande e, ao mesmo tempo, tão esperado. Para superá-la o caminho é seguir os passos da espiritualidade do advento, buscando colocar-se em atitude de acolhimento ao Deus que vem e que nasce para cada um de nós. Encontrar-se com Ele é o que todo homem e toda mulher mais aspiram. O encontro com alguém famoso se reveste de emoções fortes. Imaginemos o encontro com o Senhor dos Senhores, com o Rei do Universo, o Primogênito do Pai, Aquele no qual todas as coisas foram criadas! O encontro com Jesus é o conectar-se com a razão da própria existência, é repousar o coração na fonte da vida e encher-se da luz que sustenta o próprio existir. Isto não se alcança sem profunda vibração e enorme emoção.
A reflexão que todos são chamados a fazer, ajuda a rever a própria vida à luz do mistério do amor de Deus. Como estou vivendo? Que valores orientam minha vida? Como me comporto em relação ao meu semelhante? Sou solidário com o próximo? Minha família é o que dá sustentação a tudo que faço? Coloco em primeiro plano o ser ou o ter? A vida ou os bens materiais? Amo ao próximo como a mim mesmo? Mas, me amo intensamente? Só ama o próximo de verdade, quem se ama fortemente.
A Palavra de Deus acolhida, meditada e assimilada é o alimento de todo aquele que se prepara para o encontro com Jesus. Sem a vivência da Mensagem de Cristo, não há possibilidade de encontro com Ele. Daí a urgência da conversão. Quando alguém se confronta com a Palavra divina, percebe o que, na sua vida, está de acordo com ela e o que não está. As consonâncias com os ensinamentos do Senhor são conservadas. As dissonâncias devem ser alteradas para que se tornem consonâncias. Em outras palavras, é necessário mudar o que precisa ser mudado para que a sua vida ganhe status de filho(a) de Deus. Para isto só há uma possibilidade: assumir os valores que Jesus Cristo transmitiu e pelos quais viveu e morreu.
Celebrar o Advento é esperar o Natal com fé, confiança e espírito de renovação na graça divina. Viva este tempo na oração e Deus nascerá no seu coração!

Dom Manoel Delson Pedreira da Cruz, OFMCap.
Bispo Diocesano de Caicó – RN.


Nenhum comentário:

Postar um comentário