Os textos e fotografias produzidos pela equipe da PASCOM da Paróquia São José – C. dos Dantas podem ser livremente utilizados, mencionando-se o blog http://www.montedogalo2009.blogspot.com/ como fonte

9 de ago de 2010

Encontros da Semana Nacional da Família

Hoje, segunda-feira, foram iniciadas as novenas da Semana Nacional da Família nos diversos setores de nossa cidade.
Neste ano, o tema central dos encontros focaliza a “Família, formadora de valores humanos e cristãos”, e as equipes missionárias usam como subsídio para os encontros o livro “Hora da Família de 2010”.
Nesta primeira noite, o tema debatido foi “As relações e os valores familiares segundo a Bíblia”, restando claro que o cristão é chamado a orientar a sua vida e seu relacionamento familiar, tendo como centro a Palavra de Deus. Jesus é o grande defensor da família e quer que a nossa família se assemelhe cada vez mais ao modelo de como foi sonhada por Deus para nós.








FATOS DA VIDA

Um padre estava fazendo uma palestra na preparação dos noivos na paróquia e fez a seguinte pergunta aos casais:
- Por que as pessoas gritam umas com as outras? E obteve várias respostas:
- Ah, porque estão irritados um com o outro, ou porque estão com pressa etc.
Então, o padre perguntou:
- Mas, por que gritar quando o outro está tão perto?
Houve um silêncio total. E o padre continuou:
- Os casais começam o namoro conversando muito, partilhando, e com o tempo, pelas conquistas adquiridas, vão esquecendo o valor do diálogo e os corações começam a ficar distantes, pois já não sabem o que se passa na vida e no coração do outro, e sentem que o outro está tão distante, que para sentir que está sendo ouvido, precisa gritar, para que a força da voz tente romper a distância.
Disse ainda o padre:
- Por isso que, quando os casais partilham sempre as suas alegrias e tristezas, e conseguem uma harmonia conjugal, não precisam gritar um com o outro, pois o sentem bem de perto, a ponto de muitas vezes precisar apenas sussurrar, pois sabe que está sendo ouvido; e outras vezes ainda, apenas olhar nos olhos, dispensando até mesmo a voz.
E na minha casa, no meu relacionamento, o que está prevalecendo?

Do Livro HORA DA FAMÍLIA 2010