Os textos e fotografias produzidos pela equipe da PASCOM da Paróquia São José – C. dos Dantas podem ser livremente utilizados, mencionando-se o blog http://www.montedogalo2009.blogspot.com/ como fonte

23 de ago de 2010

No mês vocacional: Dia dos Leigos

A vocação é um dom de Deus para todo ser humano. Isto significa que não há um só ser humano que não seja agraciado com este maravilhoso presente que é a vocação. A vocação fundamental é a vida. Existimos porque Deus nos chamou à existência. Ela é fonte e origem das outras vocações.
Deus Pai, em Jesus Cristo, chama todo ser humano a viver com Ele uma relação filial. Todos que aceitam este convite e o acolhem no batismo tornam-se cristãos, seguidores de Jesus e membros da grande família dos filhos de Deus que é a Igreja. A vocação de ser filhos de Deus é maravilhosa. Vivendo neste mundo como cristãos, seguindo os passos de Jesus Cristo, na força do Espírito Santo, as pessoas encontram o caminho da felicidade e da paz.
A família de Deus é constituída de todos os batizados. O lugar do leigo na Igreja é, pois, relevante. A base do Povo de Deus é formada pelos leigos que assumem sua vocação de ser “sal da terra e luz do mundo”.
Mas qual é a importância dos Leigos?
São os leigos que vivem o seu batismo com alegria e dão testemunho do amor de Deus na família, no ambiente de trabalho e no meio da sociedade.
São os leigos que colaboram com a evangelização da Igreja, engajados nos movimentos e pastorais, irradiando esperança e animando tantos irmãos a perseverarem nas trilhas do bem, da verdade e do amor.
São os leigos que colaboram com os padres, sendo apoio nas iniciativas pastorais, que incidem na melhoria da vida das crianças, jovens, adultos e idosos. São os leigos que assumem a família como lugar sagrado de crescimento humano na fé e no amor.
São os leigos que vivem com dedicação e fazem da sua profissão um sacerdócio no serviço da construção de um mundo melhor.
São os leigos que atuam na sociedade de forma solidária, engajados nos clubes de serviço, nas instituições beneficentes e agem nas suas empresas com sensibilidade social e espírito cristão.
São os leigos que reagem ao mal, lutam para agir de acordo com a Lei Divina e amam os caminhos da justiça e da paz.
São todas as pessoas de boa vontade que colaboram com a edificação do Reino de Deus, sendo instrumentos do Senhor no fazer bem todas as coisas e servir à comunidade com espírito abnegado, abertura de coração e atitudes que revelam a ética da defesa da vida, da verdade, da dignidade humana.
Vivendo no meio do mundo, os leigos fazem o melhor que podem e sustentam a vida humana com o seu agir consciencioso e reto.
É deste modo que se vive o batismo e se realiza a vocação de todos os batizados. O Espírito Santo mora em cada um e o faz artífice do bem onde quer que se encontre. O Espírito Santo leva o ser humano a reconhecer a Verdade e a propagá-la para que o mundo creia em Jesus Cristo e na salvação que Ele trouxe para toda a humanidade.

Dom Manoel Delson Pedreira da Cruz, OFMCap
Bispo Diocesano de Caicó