Os textos e fotografias produzidos pela equipe da PASCOM da Paróquia São José – C. dos Dantas podem ser livremente utilizados, mencionando-se o blog http://www.montedogalo2009.blogspot.com/ como fonte

12 de dez de 2009

Festa de Santa Luzia e de São Bento


Hoje, 12 de dezembro, teremos na Capela de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, no bairro D. José Adelino, a última novena da festa em honra a Santa Luzia e São Bento.
Todos estão convidados para, a partir das 19h30min, participar de mais um momento forte de oração, onde meditaremos sobre o tema "Aprender com o Mestre".
O patrocínio da noite de hoje é de Genilson Medeiros, Cícero Cardoso de França, comércio local e Posto Lays Após a novena, teremos leilão e quermesse.

Você conhece o Milagre do Manto de Nossa Senhora de Guadalupe?

Em 1531 uma “Senhora do Céu” apareceu a um pobre índio, Juan Diego de Tepeyac, em uma montanha a noroeste da Cidade do México; ela identificou-se como a Mãe do Verdadeiro Deus, instrui-o a dizer ao Bispo que construísse um templo no lugar, e deixou Sua própria imagem impressa milagrosamente em sua Tilma, um tecido de pouca qualidade (feito a partir do cacto), que deveria se deteriorar em 20 anos, mas não mostra sinais de deteriorização depois de 474 anos, desafiando qualquer explicação científica sobre sua origem.
Aparentemente parece refletir em seus olhos o que estava a Sua frente em 1531!
Anualmente, Ela é visitada por 10 milhões de fiéis, fazendo de Sua Basílica no México, O Santuário Católico mais popular do mundo depois do Vaticano. Ao todo 24 Papas tem honrado, oficialmente, à Nossa Senhora de Guadalupe. O servo de Deus o Papa João Paulo II, visitou seu Santuário por 3 vezes: em sua primeira viagem como Papa em 1979 e novamente em 1990 e 1999. Ele ajoelhou-se diante de Sua imagem, invocou Sua assistência maternal e dirigiu-se a Ela como a Mãe das Américas.
A figura no manto é cheia de sinais, entre palavras, imagens e símbolos. Aqui destacamos apenas alguns:
* Nossa Senhora está diante de uma Luz Brilhante: os índios veneravam o deus sol. Ela está vestida de sol, o que mostra que Seu Deus é mais poderoso.
* Manto Azul: azul era sinal de realeza, virgindade e a cor que as deusas vestiam. As estrelas no manto estão como no céu da noite de 12 de dezembro de 1531. Os índios viviam sob as estrelas e aqui Ela as veste, mostrando que Seu Deus é mais poderoso que as estrelas. Cabeça curvada: na cultura indígena, os deuses e deusas olhavam diretamente nos olhos para mostrar seu poder e eram representados com olhos grandes. Maria, com Sua cabeça abaixada, mostra que não é um deus ou uma deusa, mas que há um poder maior acima dela.
* Lua: os índios veneravam Quetzalcoatl (serpente de pedra), representado por uma lua encrespada. Os pés de Maria estão firmemente apoiados sobre a lua, simbolizando que Ela está esmagando o deus deles.
* Coração nas costas da mão: o Coração Imaculado de Maria, como representamos, com chamas. Somente nas aparições de Guadalupe e Fátima esse sinal apareceu, o que mostra que são eventos relacionados.
* Chave entre as mãos postas: a oração é a chave para o Céu. Outros sinais representam o Espírito Santo; Abraão; os Reis Davi e Salomão; o profeta Daniel; a maternidade de Maria; Maria, Mãe de Deus; Natividade de Jesus; apresentação do Menino Jesus no Templo; a Última Ceia; um rosto de duas caras: Judas e o demônio; agonia de Jesus no Horto; flagelação de Jesus; a Cruz; a Sagrada Face.
Hoje a Virgem Maria diz para você, como disse a Juan Diego:
“Escuta-Me e entende bem, meu caçula, nada deve te amedrontar ou te afligir. Não deixes teu coração perturbado. Não temas esta ou qualquer outra enfermidade, ou angústia. Eu não estou aqui? Quem é tua Mãe? Não estás debaixo de minha proteção? Eu não sou tua saúde? Não estás feliz com o meu abraço? O que mais podes querer? Não temas nem te perturbes com qualquer outra coisa. Não te aflijas por esta enfermidade de teu tio, por causa disso, ele não morrerá agora. Tem a certeza de que ele já está curado”.

Oração
Perfeita, sempre Virgem Santa Maria, Mãe do Verdadeiro Deus, por quem se vive. Tu que na verdade és nossa Mãe Compassiva,te buscamos e te clamamos. Escutam com piedade nosso pranto, nossas tristezas. Cura nossas penas, nossas misérias e dores. Tu que és nossa doce e amorosa Mãe. Acolhe-nos no aconchego do teu manto,no carinho de teus braços.Que nada nos aflija nem perturbe nosso coração.Mostra-nos e manifesta-nos a teu amado Filho, para que Nele e com Ele encontremos Nossa salvação e a salvação do mundo. Santíssima Virgem Maria de Guadalupe, faz-nos mensageiros teus, mensageiros da Palavra e da vontade de Deus. Amém.
Nossa Senhora de Guadalupe rogai por nós!

REFLEXÃO DO DIA - Sábado 12/12

Naqueles dias, Maria partiu para a região montanhosa, dirigindo-se, às pressas, a uma cidade da Judéia. Entrou na casa de Zacarias, e saudou Isabel. Quando Isabel ouviu a saudação de Maria, a criança se agitou no seu ventre, e Isabel ficou cheia do Espírito Santo. Com um grande grito exclamou: «Você é bendita entre as mulheres, e é bendito o fruto do seu ventre! Como posso merecer que a mãe do meu Senhor venha me visitar? Logo que a sua saudação chegou aos meus ouvidos, a criança saltou de alegria no meu ventre. Bem-aventurada aquela que acreditou, porque vai acontecer o que o Senhor lhe prometeu.» Então Maria disse: «Minha alma proclama a grandeza do Senhor, meu espírito se alegra em Deus, meu salvador.” (Lc 1,39-47)


FESTA DE N. SRA. DE GUADALUPE – PADROEIRA DA AMÉRICA LATINA

Amor é antes de tudo serviço. Não podemos falar de amor apenas como um sentimento abstrato ou como a necessidade de se estar com alguém para ser feliz, pois amor é muito mais do que isso. Quem ama verdadeiramente tem a preocupação de construir a felicidade dos outros, colaborar ativamente com a realização do seu projeto de vida e dar tudo de si para que o outro seja feliz e, na verdade, a sua própria felicidade consiste na felicidade daquele que é amado, de modo que amor verdadeiro significa estar sempre a serviço da felicidade de quem se ama.
Fonte: CNBB