Os textos e fotografias produzidos pela equipe da PASCOM da Paróquia São José – C. dos Dantas podem ser livremente utilizados, mencionando-se o blog http://www.montedogalo2009.blogspot.com/ como fonte

22 de out de 2009

Músicas que evangelizam

"Maria, e somente ela, é o limite entre a natureza criada e a incriada. Todos os que conhecem Deus devem saber que a Virgem mãe serviu de abrigo Àquele que nada pode conter, e todos os que sabem louvar a Deus, a louvarão após Deus. Ele é a causa de tudo o que a precedeu, ela preside a tudo o que vem depois dela, ela é a medianeira da eternidade."

São Gregório Palamas, Monge ortodoxo 1296-1359

7ª Novena da festa


A 7ª novena da festa de N. Sra. das Vitórias contou com a participação dos padres Marcone, Fabiano e Anchieta. O pregador da noite foi o Pe. Anchieta, de Picuí/PB, que falou sobre a catequese e os sinais do tempo.
Após a novena, quermesse e música ao vivo com os garotos do Batuk Moleque.
Fotos: R&H Produções


REFLEXÃO DO DIA: Quinta-Feira 22/10

E o Senhor respondeu: "Eu vim para lançar fogo sobre a terra: e como gostaria que já estivesse aceso! Devo ser batizado com um batismo, e como estou ansioso até que isso se cumpra! Vocês pensam que eu vim trazer a paz sobre a terra? Pelo contrário, eu lhes digo, vim trazer divisão. Pois, daqui em diante, numa família de cinco pessoas, três ficarão divididas contra duas, e duas contra três. Ficarão divididos: o pai contra o filho, e o filho contra o pai; a mãe contra a filha, e a filha contra a mãe; a sogra contra a nora, e a nora contra a sogra." (Lc 12, 49-53)
A vinda de Jesus cria um divisor de águas na história dos homens. De um lado encontramos os que são dele e, de outro, os que são do mundo. A partir dessa divisão se estabelece o conflito, que é caracterizado principalmente pela diferença de valores, e exige de todos os que abraçam a fé a consciência de suas consequências, entre elas a de ser odiado pelo mundo. Como cristãos, devemos enfrentar o conflito com o mundo, mas não com as mesmas armas do mundo, uma vez que estas levam à morte, o grande valor do mundo. Devemos enfrentar o mundo com a fé, a espiritualidade, a entrega, a partilha, a doação, a fraternidade, o testemunho, o profetismo, que são valores do Reino e levam à vida.
Fonte: CNBB