Os textos e fotografias produzidos pela equipe da PASCOM da Paróquia São José – C. dos Dantas podem ser livremente utilizados, mencionando-se o blog http://www.montedogalo2009.blogspot.com/ como fonte

14 de abr de 2010

ESCLARECER A CLARIDADE

REFLEXÃO DO EVANGELHO

Uma das afirmações mais belas do Novo Testamento encontra-se no evangelho de João, proclamado na liturgia deste dia: “Deus amou tanto o mundo que lhe deu Filho único para que não morra quem nele crer, mas tenha a vida eterna”.

O Filho encarnado é um presente do Pai para que tenham a vida, a vida em plenitude, os que nele crerem. A vida eterna vem da fé naquele que o Pai enviou.

Cristo Jesus, vivo e ressuscitado hoje, coloca-se diante das vidas e dos projetos humanos. Não se impõe. Propõe-se. Hoje, ele não enfrenta mais polêmicas com fariseus, não acolhe mais a prostituta que ia ser apedrejada, não louva o gesto da viúva no templo. Mas ele vive e se apresenta a cada história humana, nas encruzilhadas de seus caminhos. Ele se serve de testemunhas, dos cristãos que carregam sua memória, que se reúnem em seu nome, que devem anunciá-lo até os confins da terra, incansavelmente, descobrindo caminhos novos para que toda a carne veja a salvação que vem de Deus.

Esse é o sentido da missão. Cada pessoa que nasce, cresce e vive é ou pode ser colocada diante dele. Ele vai penetrando no coração dos homens e espera uma resposta.

Ele é luz. Veio da luz e para a luz haveria de voltar. Durante um tempo as trevas pareciam querer derrotá-lo. Com efeito, os que praticam o bem se orientam para a luz. Os praticantes da verdade caminham na direção da luz. O ser humano é mais do que aparece. Não consiste apenas num emaranhado de ações externas colocadas aqui e ali. Ele é profundidade. É coração. E há um nó em cada pessoa, uma profundidade além da profundidade. E nesse espaço mais íntimo que o Senhor Jesus se revela. Quem age segundo a verdade, a verdade pessoal e profunda, se aproxima da luz.

De fato, Deus não enviou o seu Filho ao mundo para condenar o mundo, mas para que o mundo seja salvo por ele”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário